Esporte na Tela

O nadador chinês Sun Yang é suspenso das Olímpiadas de Tóquio

O tricampeão chinês foi punido por quebrar as regras antidoping
Foto: MANAN VATSYAYANA / AFP Sun Yang é um dos principais nomes do esporte chinês está banido desta edição das Olímpiadas de Tóquio
Sun Yang é um dos principais nomes do esporte chinês está banido desta edição das Olímpiadas de Tóquio

Nessa terça-feira o nadador chinês Sun Yang, tricampeão olímpico, foi oficialmente banido por mais quatro anos e três meses. A decisão foi pronunciada pelo Corte Arbitral do Esporte (CAS), por ter destruído uma amostra de seu sangue com um martelo em um exame antidoping. A atual punição está em vigor desde fevereiro de 2020, e terminariam em junho de 2024, pouco tempo antes do inicio dos Jogos Olímpicos de Paris.

Essa é a segunda punição do nadador, já que em 2020 o Tribunal Federal da Suíça, maior órgão jurídico do país, anulou uma suspensão de oito anos (pena máxima de suspenção) em dezembro por "ação tendenciosa de um árbitro CAS".

O Tribunal Federal, decidiu não julgar o mérito da causa, citando as postagens em rede social de cunho racistas e contra os chineses, feitas pelo presidente do grupo de juízes, Franco Frattini, ex-chefe da diplomacia italiana, para denunciar a crueldade infligida aos animais na China, apenas durante a investigação do caso de Sun Yang.