Esporte na Tela

São Raimundo-RR quer contar com público na fase de mata-mata

A equipe solicitou a prefeitura a liberação de 30% da capacidade do estádio para a disputa na Série D
Foto: Ivonisio Lacerda Júnior/ge Roraima Estádio Canarinho, em Boa Vista-RR
Estádio Canarinho, em Boa Vista-RR

O São Raimundo-RR quer contar com seu torcedor na disputa do mata-mata do Campeonato Brasileiro Série D. A equipe solicitou, na última quinta-feira, a Prefeitura de Boa Vista e ao Instituto do Desporto de Roraima a liberação de parte da capacidade do Estádio Canarinho para a partida de volta contra o Paragominas-PA. 

Alviceleste roraimense apresentou um protocolo onde permite a entrada apenas dos torcedores que tiverem tomando, pelo menos, a primeira dose de algum imunizante contra a covid-19. Caso o São Raimundo-RR receba um sinal positivo para a liberação, a equipe pode contar com até 30% do estádio. 

Segundo a Secretária Municipal de Saúde de Boa Vista, cidade onde o Estádio Canarinho fica localizado, cerca de 64,75% das pessoas maiores de 18 anos já foram imunizados com a primeira dose da vacina e 22,57% completaram o ciclo de vacinação. Por tanto, caso seja liberado pela prefeitura, o Canarinho poderá receber cerca de 1.318 torcedores no confronto do mata-mata. 

Por conta de sua campanha na fase de grupos do Campeonato Brasileiro Série D, o São Raimundo-RR tem a vantagem de decidir o jogo de volta em casa. A primeira partida da fase de mata-mata será disputada no próximo domingo (12), na Arena do Município Verde, no Pará. O Jogo de volta está marcado para acontecer no em 19 de setembro, às 17h, no Estádio Canarinho.