Esporte na Tela

Presidente do Corisabbá fala em “manter a base do time e fortalecer setores”

Após o fim da temporada 2021, com o acesso para a elite estadual, o presidente do clube busca agora planejar o próximo ano da equipe
Foto: Divulgação/Corisabbá Treino do Corisabbá, em Floriano
Treino do Corisabbá, em Floriano

O Corisabbá atingiu o seu principal objetivo da temporada: conquistar o acesso para a elite estadual. Após ficar em segundo na final do Campeonato Piauiense Série B, o Cori já dá início ao planejamento para 2022.

Apesar de ter pedido o jogo de volta contra o Oeirense, pelo placar de 3 a 0, o presidente de equipe de Floriano, Anderson Kamar, afirma que uma das prioridade é manter Dejair Ferreira como treinador do Clube. O técnico tem uma boa experiencia no futebol piauiense, comandando outras equipes no estado no últimos anos.

- Temos interesse de continuar com o Dejair Ferreira, fez um excelente trabalho aqui, um baita treinador. E como ser humano, nem se fala, ele é a preferência. Além de Dejair, existe um interesse de manter a base do time e fortalecer setores. Claro, trabalhando dentro da nossa realidade (financeira) – afirmou Kamar.

Foto: Leandro Miranda/CorisabbáTreino do Corisabbá, em Floriano
Treino do Corisabbá, em Floriano

Nesta temporada, por conta da questão financeira, o Corisabbá usou vários alguns atletas das categorias de base para compor o elenco. Com o elenco atual, o Cori conquistou 4 vitórias, 5 empates e apenas 3 derrotas, nas 12 partidas da Série B estadual.

Após cinco anos, o Corisabbá volta para a elite estadual. A equipe foi rebaixada ainda em 2016, somando apenas dois pontos na fase de grupos. A vaga na elite foi conquistada pelo vice-campeonato estadual, caindo para o Oeirense.