Esporte na Tela

Novo projeto do Sabiá FC/TH3 começa a dar frutos

Com o novo modelo de gestão, atletas colombianos estão estagiando no CT do clube pensando em torneios internacionais
Foto: Th3 Group Assessoria Suan (Majestic), Fernando Nogueira (BCN) e Serginho Maxxi (Th3) e Atletas colombianos no CT Sabiá- Caxias - Maranhão.
Suan (Majestic), Fernando Nogueira (BCN) e Serginho Maxxi (Th3) e Atletas colombianos no CT Sabiá- Caxias - Maranhão.

Após o modelo de gestão do Sabiá/TH3 mudar para academia de alto rendimento, com a montagem de estratégias com parceiros do Brasil e do exterior, uma delas implantadas pelo clube já começa a dar frutos.

Alguns jovens atletas colombianos que estão de viagem marcada para realizar avaliações na Espanha, para a participações de torneios internacionais, estão estagiando no CT Sabiá em Caxias, no Maranhão. Os jogadores, nesta passagem pelo Sabiá FC também serão documentados com o clube formando assim um elo e negociações futuras. 

Essas avaliações na Espanha só foram possíveis, devido as parcerias que a Th3 Group tem com investidores e empresas de outros países, como a BCN Intercâmbio e a Colombiana Majestic do empresário Susan que também se encontra em Caxias acompanhando os seus atletas.

Ainda para este mês o Sabiá FC/TH3 estará realizando um evento seletivo, onde atletas de toda a região poderão concorrer a bolsas de 30, 50 e 100% para participar de um dos maiores torneios da Europa a "Copa Mic 2022". Além da partição na competição, os atletas selecionados também irão estagiar com o parceiro do clube em Barcelona, o Instituto Marcet, que tem como detentora no Brasil a BCN.