Esporte na Tela

“Desde o início, o Altos buscou a vitória” afirmou Marcelo Vilar após empate

O treinador elogia o rendimento dentro de casa e alerta para a dificuldade da terceira divisão
Foto: Renan Morais Marcelo Vilar, treinador do Altos
Marcelo Vilar, treinador do Altos

O Altos empatou com a Jacuipense, pelo placar de 2 a 2, neste domingo na última partida do 1º turno da terceira divisão. Com o resultado o Altos deixa escapar a chance de integrar o pelotão de elite no final da primeira etapa da fase. A dificuldade em somar os três prontos é resultado da competitividade do torneio, de acordo com o treinador do Jacaré.

“Desde que a competição começou, falei que não era fácil. Essa análise de vocês (obrigação de vencer em casa), procede no seguinte aspecto: a gente pega um time fechado, mas em nenhum momento, falta vontade, volume para ir. Depois, vem o desgaste do adversário, começa a entrar mais” explicou o treinador após o empate dentro de casa.

O empate dentro de casa é o segundo resultado em que o Altos deixa de somar os 3 pontos (Na 6ª rodada o Altos perdeu por 1 a 0, no Lindolfinho). O treinador Marcelo Vilar afirmou que todos do time sabem da importância, mas na última rodada o resultado não foi o esperado.

“Desde o início, o Altos buscou a vitória, desde o início foi um time que jogou sempre para frente, em alguns momentos cedeu espaço para o contra-ataque, o jogo se mostra perigoso para esse tipo, e foi um jogo eletrizante. A gente poderia no final ter vencido, como poderia ter perdido devido às situações de contra-ataque.” Destacou o treinador “O Altos sabe da importância desses jogos dentro de casa e buscou a vitória que acabou não vindo.” Completa o treinador

O empate, e o um ponto conquistado em casa, colocou o Altos na 6ª colocação, com 12 pontos, do Grupo A1 no Campeonato Brasileiro Série C. O Jacaré entra em campo novamente neste final de semana na próxima sexta-feira (30), dentro de casa, frente ao Volta Redonda.