Esporte na Tela

Corisabbá realiza confraternização seguindo protocolos de segurança

Na semana de aniversário de 48 anos do clube o presidente, Anderson Kamar, fala da temporada 2021 do clube
Foto: Divulgação/Corisabbá Dirigentes do Corisabbá em confraternização
Dirigentes do Corisabbá em confraternização

Nessa segunda-feira Corisabbá fez seu 48º aniversário e a diretoria do clube realizou uma confraternização privada, contando apenas com os diretores da equipe, para organizar o planejamento pensando na temporada 2021.

“Nossa diretoria que até hoje são pessoas que trabalham voluntariamente e até hoje eu agradeço muito esses guerreiros. Eu falei pra eles que uma hora isso vai mudar.” Pontuou o presidente “Uma hora esse poço vai dar água e quando tiver água vocês também vão beber dela” garantiu o gestor.

Foto: Divulgação/CorisabbáConfraternização da diretoria no aniversário do clube
Confraternização da diretoria no aniversário do clube

O Corisabbá atualmente vai disputar a segunda divisão do campeonato piauiense. A última vez que a equipe participou do campeonato foi na temporada de 2019 quando a equipe caiu na semifinal para o Timon. Em 2020, por conta da pandemia da Covid-19, a equipe não disputou o campeonato.

O presidente comentou sobre o planejamento para essa temporada. “Estamos trabalhando, o Campeonato Piauiense série B está previsto para começar na segunda semana do mês de setembro, mas o futebol profissional é caro e é preciso começar a trabalhar bem antes para levantar o recurso financeiro. Estamos com a projeção para levantar em torno de 200 mil reais para fazermos um time competitivo, subirmos e dar oportunidade para os jovens da nossa cidade.” Destacou o presidente Anderson Kamar.

O Corisabbá recentemente lançou o uniforme oficial para a disputa da série B. O Clube espera pela Federação de Futebol do Piauí (FFP) anunciar a segunda divisão do estadual para dar iniciar a preparação da equipe profissional e tem planos ambiciosos para o clube.

“Quero dizer para você torcedor que não estamos trabalhando só para subir para primeira, estamos trabalhando para subir e permanecer. É um trabalho de organização, contamos muito com o torcedor, nossa empresas privadas. Sempre falamos que nosso torcedor é o maior patrimônio do nosso time.” Finaliza o presidente.

Até o momento, apenas o Corisabbá foi a única equipe que expressou a vontade de disputar a série B do estadual. Oeirense e Comercial-PI também são equipes esperadas na competição.