Esporte na Tela

CBF projeta retorno de público para a Copa do Brasil

A entidade já conversa com as federações estaduais para levar o público aos estádios a partir das quartas de final
Foto: Lucas Figueiredo / CBF Sede da CBF no Rio de Janeiro
Sede da CBF no Rio de Janeiro

A Confederação de Brasileira de Futebol (CBF) já planeja o retorno de público nos estádios nesta temporada. A entidade já está desenvolvendo um projeto inicial para poder abrir os estádios para o público a partir de agosto, nas quartas de final da Copa do Brasil.

O presidente em exercício da entidade, Coronel Nunes, já enviou um oficio para cada federação estadual que vai contar com representantes na etapa da competição. No documento, a entidade solicita um diálogo entre a federação e as autoridades de saúde para desenvolver um plano seguro para contar com público.

No Brasil já existe estádios que liberam a presença de público, como o Mané Garrincha que vai contar com a presença de público nesta quarta-feira na Libertadores da América. Para a entrada no estádio é necessário apresentar o exame PCR, negativado, para ocupar um lugar dos 25% do estádio, porcentagem liberada para a partida. Caso não tenha realizado o exame PCR, é necessário ter tomado as duas doses do imunizante contra a covid-19.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência BrasilEstádio Mané Garrincha, palco da semifinal
Estádio Mané Garrincha, palco da semifinal

Em Minas Gerais também é permitido a presença de público, respeitando as normas apresentadas pela Federação Mineira de Futebol. No nordeste, João Pessoa liberou 20% da ocupação máxima do estádio, a partir do próximo mês.

Caso o projeto presentado pena entidade seja aprovado, a CBF deve se pronunciar, através da sua Diretoria de Competições (DCO) da Comissão de Médicos e de Combate à Dopagem (CMCD), sobre a decisão.