Esporte na Tela

Sócios do Barcelona querem barrar ida de Messi para PSG

Uma queixa foi enviada a justiça para impedir a transferência do argentino para o clube francês
Foto: AFP Parque dos Príncipes teve reforço na segurança nesta segunda por conta do grande número de torcedores esperando o craque argentino
Parque dos Príncipes teve reforço na segurança nesta segunda por conta do grande número de torcedores esperando o craque argentino

O novo destino do camisa 10 da seleção argentina ainda está repercutindo muito no futebol europeu. Após a despedida do astro do Barcelona, no último domingo, os sócios financeiros do Barcelona estão tentando impedir a transferência do jogador para o PSG, possível destino do craque.

O advogado Juan Branco, nesta segunda-feira, publicou nas redes sociais que entrou com uma queixa no Tribunal Europeu de Apelação para que o PSG seja impedido de contratar o argentino. O advogado alega que o fair play financeiro, imposto pela UEFA, seria desrespeitado caso a contratação fosse concretizada.

Segundo o jornalista especializado no mercado de transferências, Fabrizio Romano, o craque está com a família em Barcelona e seu pai, e agente do jogador, juntamente com seus advogados está analisando o contrato proposto. Messi, nesta segunda-feira, foi visto à vontade em sua casa e, segundo a equipe do Sky Sports, o jogador não deve viajar nas próximas horas para assinar o contrato na França.

O Barcelona, de acordo com um estudo feito pela Brand Finance, deve perder cerca de 137 milhões de euros, entre patrocínios, venda de camisas e produtos e até mesmo ingressos para as jogos. Enquanto isso a torcida do PSG vive a expectativa da chegada do craque na capital francesa.