Esporte na Tela

Seleção Brasileira joga solta e ganha do Paraguai nas Eliminatórias da Copa

Com modificações, a seleção apresentou facilidade e entrosamento dentro de campo
Foto: Lucas Figueiredo/CBF Neymar comemorando o gol e a marca com a Seleção Brasileira nas Eliminatórias
Neymar comemorando o gol e a marca com a Seleção Brasileira nas Eliminatórias

Com seis jogos e sete vitórias a seleção brasileira manteve a campanha invicta nas Eliminatórias da Copa na noite dessa terça-feira. Os brasileiros venceram pelo placar de 2 a 0 o Paraguai fora de casa e ainda contaram com uma noite iluminada do camisa 10, Neymar. Na tabela da competição o Brasil segue com 100% de aproveitamento e não poderia estar mais confortável após o último compromisso pelas eliminatórias nesse mês.

O Brasil começou o ataque logo nos primeiros 3 minutos. Gabriel Jesus, mudança no ataque brasileiro, lança para Richarlisson que não consegue alcançar, e Neymar aproveita o para abrir o placar. O Paraguai tentou a reação com uma bomba da entrada da grande área com Alderete, mas o goleiro Ederson foi buscar e colocou pra fora.

O Brasil contou com uma atuação muito boa de Neymar que ora atuava como meio-campista de criação, ora como atacante dando uma flutuação muito boa no setor ofensivo. Apesar da maior criatividade, o primeiro tempo foi mais truncado após o gol. O Paraguai deixou as linhas defensivas mais ajustadas, o que dificultava a infiltração brasileira.

No segundo tempo o treinador da Seleção Brasileira, voltou a campo com Lucas Paquetá no lugar de Fred. Apesar da mudança, o Brasil levou os primeiros sustos com Gustavo Gómez que subiu numa cobrança de lateral na área e quase marcava, mas Ederson mais uma vez impediu o gol. Com a entrada de Paquetá, o Brasil criou mais no setor ofensivo, mas perdeu algumas oportunidades de aumentar no placar. Aos 28 minutos foi a vez de Neymar servir Lucas Paquetá, o meia recebeu no meio da área e finalizou com segurança para fechar o placar. 2x0 Brasil e Paraguai.

Com a vitória o Brasil quebrou um jejum de 35 anos sem vencer o Paraguai em Assunção. A noite também foi especial para Neymar que, com o gol no primeiro tempo, Neymar igualou a marca de Zico e Romário como maior artilheiro da seleção brasileira nas Eliminatórias da Copa. O Brasil só volta a disputar as Eliminatórias apenas no dia 2 de setembro contra o Chile.

FICHA TÉCNICA​:

URUGUAI x PARAGUAI - ELIMINATÓRIAS DA COPA DO MUNDO 2022

Estádio: Centenário, em Montevidéu (URU)

Data: 3 de junho de 2021, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Wilmar Roldán (COL)

Assistentes: Alexander Guampzn (COL) e Miguel Roldán (COL)

VAR: Nicolás Gallo (COL)

Cartões amarelos: Vecino e Valverde (URU)

URUGUAI (Técnico: Óscar Tabárez)

Fernando Muslera; José Giménez, Diego Godín e Martín Cáceres; Giovane González, Matías Vecino (Lucas Torreira, aos 12'/2ºT), Rodrigo Bentancur, Federico Valverde e Matias Viña (Braian Rodríguez, aos 37'/2ºT); Jonathan Rodríguez (Facundo Torres, aos 20'/2ºT) e Luis Suárez.

PARAGUAI (Técnico: Eduardo Berizzo)

Antony Silva; Robert Rojas, Fabián Balbuena, Gustavo Gómez e Omar Alderete; Mathias Villasanti, Gastón Giménez e Ángel Cardozo (Richard Sánchez, aos 22'/2ºT); Óscar Romero (Santiago Arzamendia, aos 22'/2ºT), Miguel Almirón (Gabriel Ávalos, aos 44'/2ºT) e Ángel Romero (Antonio Bareiro, aos 33'/2ºT).