Esporte na Tela

Eriksen vai colocar um aparelho no coração após sofrer mal súbito na Eurocopa

O meio-campista, que segue se recuperando do mal súbito, vai passar por uma cirurgia para corrigir o desnível de batimentos cardíacos
Foto: Jonathan NACKSTRAND / AFP Eriksen está se recuperando após mal súbito
Eriksen está se recuperando após mal súbito

 Após sofrer um mal súbito na estreia da Eurocopa, o meio-campista dinamarquês Christian Eriksen vai passar por uma cirurgia para a introdução de um desfibrilador. Essa cirurgia será feita para corrigir desnível no ritmo dos batimentos cardíacos do jogador, e evitar outro mal súbito. O procedimento já foi realizado antes em um jogador do Ajax, da Holanda.

“Christian aceitou a solução, e o plano foi confirmado por especialistas nacionais e internacionais que recomendam o mesmo tratamento” afirmou o médico da seleção dinamarquesa, Morten Boesen. A volta do meia da Inter de Milão ao futebol ainda não é confirmada.

O procedimento cirúrgico deve ser realizado nesse final de semana, realizado em Copenhague, Dinamarca. O zagueiro holandês, Daley Blind, passou por um procedimento semelhante em 2019. O atleta, após a cirturgia, voltou aos gramados em fevereiro de 2020, mas em agosto do ano passado o aparelho implantado no atleta apresentou um problema em um amistoso da equipe. O jogador desmaiou no gramado, mas conseguiu se recuperar do susto.

- Na vida normal é uma coisa, mas fazendo uma atividade esportiva existe a possibilidade de um trauma que pode danificar o aparelho. Isso faz pensar muito e fará com que os cardiologistas esportivos pensem se vão ou não (liberá-lo). Tem que se ver o diagnóstico da doença, tem os protocolos, com certeza vai ser uma grande responsabilidade - pontuou Enrico Castellacci, presidente da associação de médicos de futebol na Itália, ao jornal “La Presse” sobre a possível volta do jogador aos gramados.