Esporte na Tela

Copa América perde dois patrocinadores nessa segunda-feira

Mastercard e Ambev desistem de exibir a marca nas partidas da Copa América
Foto: Divulgação/Ambev Ambev não exibirá a marca na Copa América
Ambev não exibirá a marca na Copa América

A Copa América sofre duas grandes baixas nessa segunda-feira. A empresa brasileira de produção de bebidas, AMBEV e a marca de pagamentos Mastercard desistiram de expor as suas marcas em placas nas partidas da Copa América. As duas empresas eram fortes patrocinadoras da competição que sofre duras criticas desde de que o Brasil aceitou sediar a competição.

No começo dessa quarta-feira, em uma nota que foi enviada ao jornal Estadão, a Mastercard confirmou que não exibirá a marca na competição de seleções. "Após análise criteriosa, decidimos por não ativar nosso patrocínio à Copa América no Brasil", confirmou a empresa, que também decidiu não participar das ações de marketing que estavam em planejamento para os dias do evento.

Logo em seguida a empresa brasileira Ambev também anunciou que não irá estampar as placas de publicidade à beira do gramado nas partidas do torneio. Dentre as cervejas que pertencem a marca estão nomes conhecidos como Brahma, Skol, Antártica, Budweiser, Corona e Stella Artois.

A Ambev patrocina a Copa América desde 1992, mas afirmou que mantém a parceria com a Conmebol, e o apoio ao futebol brasileiro. O Superior Tribunal Federal (STF) anunciou na noite dessa terça-feira que, irá analisar os pedidos que querem barrar a realização da Copa América no Brasil.

O Brasil faz sua estreia na Copa América no próximo domingo (13) frente a Venezuela. A partida será realizada em Brasília, no estádio Mané Garrincha, às 18h.