Esporte na Tela

Com ótima atuação de Cristiano Ronaldo, Portugal vence Hungria na Eurocopa

O atacante marcou duas vezes na vitória por 3 a 0 e se isola na artilharia da competição
Foto: Divulgação/Seleção Portuguesa Portugal atropela Hungria na estreia da Eurocopa
Portugal atropela Hungria na estreia da Eurocopa

Portugal estreia com o pé direito na Eurocopa com uma vitória tranquila por 3 a 0 contra a Hungria. A tarde também foi especial para o craque português Cristiano Ronaldo, que marcando duas vezes na partida, bateu mais três recordes na carreira: CR7 é o primeiro a atuar em cinco edições da Eurocopa, maior artilheiro e mais vitorioso da do torneio.

No primeiro tempo a seleção portuguesa dominou o campo. O estádio lotado com a torcida húngara não fez Portugal perder a postura e constantemente estava no setor ofensivo. Logo aos 4 minutos, Diogo Joto recebe um lançamento e parte em velocidade, ganha a dividida com a marcação e chuta forte da entrada da área, mas Gulácsi espalma para escanteio. A pressão só aumentou contra os donos da casa no primeiro tempo. A única vez que os húngaros chegaram ao ataque foi aos 36 minutos, em uma cobrança de falta, mas Szalai cabeceia mal no meio da área, e Rui Patrício vai buscar sem rebote.

No segundo tempo, a mesma pressão portuguesa. Apesar de dominar completamente a partida, Portugal só balançou as redes definitivamente aos 36 minutos. Rafa Silva cruza do lado direito, Raphaël Guerreiro pega a bola de primeira, desvia em Orbán e entra no cantinho direito do gol de Gulácsi para abrir o placar para os visitantes. Aos 41 foi a vez de Cristiano Ronaldo guardar o dele. De pênalti o atacante português marca e se isola de vez no ranking de artilheiros da competição.

O terceiro gol saiu pouco antes do final da partida. Aos 46 minutos, camisa 7 português recebe na área, faz uma tabela com Rafa Silva, dribla o goleiro Gulácsi e chuta de esquerda, e faz o terceiro de pérgula no torneio. Com o segundo gol marcado na partida, Cristiano Ronaldo soma 11 gols em Eurocopas, sendo o maior do artilheiro da competição. Apesar da derrota na estreia, a torcida húngara cantou para a sua seleção que ficou no gramado, em um momento emocionante agradecendo o apoio.

A Hungria volta a campo no próximo sábado, às 10h, frente a França na Puskás Aréna. Já os portugueses entram em campo também no sábado, às 13h, frente a Alemanha na Arena de Munique.

Confira a ficha técnica da partida:

Hungria 0 x 3 Portugal

Gols: Guerreiro (84), Cristiano Ronaldo (87, de pênalti, 90+2)

Cartões amarelos: Nego (80), Orban (86) Dias (38)

Hungria: Peter Gulacsi – Gergo Lovrencsics, Endre Botka, Willi Orban, Attila Szalai, Attila Fiola (Kevin Varga 88), Kleinheisler László (Dávid Sigér 78) – Adam Nagy (Roland Varga 90+3), András Schäfer (Loïc Nego 66) – Roland Sallai (Szabolcs Schön 77), Adam Szalai (cap). T: Marco Rossi.

Portugal: Rui Patricio – Nélson Semedo, Rúben Dias, Pepe, Raphaël Guerreiro – Danilo Pereira, Bruno Fernandes (Joao Moutinho 89) – William Carvalho (Renato Sanches 81) – Bernardo Silva (Rafa 71), Cristiano Ronaldo (cap), Diogo Jota (André Silva 81). T: Fernando Santos.