Eliminatórias

Ingressos para Brasil e Argentina custarão de R$ 100 a R$ 800

O jogo das Eliminatórias será no dia 10 de novembro, no Mineirão. As entradas começarão a ser vendidas nesta sexta-feira.

sexta-feira, 28 de outubro de 2016 às 16:12

atualizado em 28 de outubro de 2016 às 16:12

(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou os preços dos ingressos para o clássico Brasil x Argentina pelas Eliminatórias, no dia 10 de novembro. As entradas custarão entre R$ 100 e R$ 800, começarão a ser vendidas nesta sexta-feira e a carga total será de 61.949.

O ingresso mais barato é o dos setores superior norte e sul do Mineirão. A entrada custa R$ 200 a inteira e R$ 100 a meia entrada. O lugar mais caro, que custa R$ 800 e não conta com meia entrada, fica por conta dos camarotes com capacidade de 18 a 64 pessoas.

O setor destinado aos torcedores argentinos foi o oeste superior. As entradas custarão R$ 400 inteira e R$ 200 a meia. O estádio também terá um setor com direito a show da dupla Jorge e Matheus. Esse camarote custará R$ 650 reais.

Veja todos os preços:

Superior Norte/Sul: R$ 200 inteira / R$ 100 meia.

Inferior Norte/Sul: R$ 300 inteira / R$ 150 meia.

Superior Leste/Oeste: R$ 400 inteira / R$ 200 meia.

Setor VIP (Oeste Inferior): R$ 500 (com serviço de alimentos e bebidas incluído).

Camarote Villa Mix (Leste Inferior): R$ 650 (cadeira numerada; lounge temático com show de Jorge & Mateus; open bar de whisky 8 anos, vodka, cerveja, refrigerante e água; e camisa exclusiva do camarote).

Camarotes (capacidades de 18 e 64 lugares): R$ 800 por assento (a aquisição de camarote se dá pela compra de todos os assentos do mesmo).

Com 1 empate e quatro vitórias nos últimos 5 jogos o Brasil lidera as Eliminatórias na América do Sul com 21 pontos, 1 ponto a mais do que o Uruguai, segundo colocado. A Argentina é apenas a 5ª colocada com 16 pontos e um histórico de 2 vitórias, 2 empates e 1 derrota nos últimos 5 jogos.

Fonte: Uol Esporte

Leia também

Comentários (0)

postar comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*